Turismo La Bañeza

Calendario Ferias

Citba
MuseodelasAlhajas

FacebookTwiterGoogle+

Seleccionar idioma

León, Capital Española de la Gastronomía 2018

Centro de Interpretación de las Tierras Bañezanas
Museo de las Alhajas
Gran Premio de Velocidad
Carnavales de La Bañeza
Published in pt-Gastronomia

Gastronomia

Alubias de la BañezaA Gastronomia “Bañezana” reúne um sem-fim de pratos que podem ser degustados em qualquer dos numerosos restaurantes da nossa cidade.

“Las Alubias a la Bañezana” (os Feijões à moda de “La Bañeza”) e as “Ancas de Rana” (as Pernas de Rã) são os pratos estrela e aqueles com que, fora das nossas fronteiras, se identifica a nossa gastronomia.

As Pernas de Rã têm-se convertido no prato rei, no manjar por excelência, no eixo principal que move toda a engranagem culinária “bañezana”, tendo-se colocado no mais alto escalão gastronómico pela sua rareza e excelência. O seu êxito deve-se ao facto de este prato conservar todo o seu primitivismo, tanto nos ingredientes utilizados para a elaboração do seu tradicional molho vermelho, preparado à base de azeite, sal, banha, pimentão e algum outro condimento secreto que distingue cada restaurante, como nos recipientes em que se elabora e é servido, a típica panela de barro.

Descarregue aqui a receita das Pernas de Rã (PDF).

Mantecadas de la BañezaRelativamente aos nossos famosos e reconhecidos feijões, que se encontram protegidos pela “IGP Alubias de La Bañeza-León”, podem-se degustar à maneira tradicional saboreando umas deliciosas "Alubias a la Bañezana" ou em pratos mais sofisticados de cozinha moderna onde demostram que a sua versatilidade na cozinha é infinita.

Naquilo que diz respeito aos nossos doces, as confeitarias existentes na cidade elaboram toda uma gama de deliciosas especialidades entre as quais queremos destacar as seguintes:
No carnaval, podemos desfrutar das "Orejas", dos "Dominós de Carnaval" ou das "Caretas" que são tradicionalmente consumidas nesta altura.

Logo antes de celebrar-se a Semana Santa, podem adquirir-se os "Bollos de San Lázaro", o produto mais antigo da doçaria caseira “bañezana”.

Já na Semana Santa aparecem nas vitrinas das confeitarias as "Almendras Garrapiñadas y Saladas" ao lado das garrafas de "Limonada Bañezana" feita num cântaro de barro, à base de vinho, açúcar, uvas passas, figos, limão, canela em rama e qualquer outro segredo de preparação, mistura que se deixa vários dias em maceração antes de estar pronto para coar e servir.

Na altura de Todos-os-Santos, aparecem os saborosos "Buñuelos" cheios de creme e fritos no melhor azeite bem como os "Huesos de Santo".

Com o Natal chega o "Turrón", com uma variedade infinita dado que cada confiteiro se esforça em personalizar as suas elaborações.

Além dos doces de temporada, durante todo o ano podemos consumir as especialidades mais conhecidas fora das nossas terras como são os "Imperiales", sobremesa deliciosa como nunca se viu e em que a amêndoa marca o sabor, as "Pastas de San Blas", as finíssimas "Yemas Tostadas", os "Besitos" com sabor a coco, as "trufas" de chocolate e mel ou as "Angelicas" de chocolate e amêndoa, tudo na linha dessa tradição chocolateira que sempre existiu na nossa cidade.

Para fechar este parágrafo, queremos destacar um costume muito antigo e entranhável que ainda permanece entre as famílias “bañezanas”, trata-se de ”La Cuelga". Nos aniversários ou santos, a família ou os amigos atam numa cinta chamativa todo tipo de chocolates, rebuçados e guloseimas que num momento de descuido é introduzida pela cabeça do homenageado desejando-lhe muitas felicidades.

« November 2017 »
Mon Tue Wed Thu Fri Sat Sun
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      

Turismo La Bañeza en Twitter

Esta web utiliza cookies técnicas, propias y de terceros, para anónimamente facilitarle la navegación, analizar estadísticas del uso de la web. Consideramos que si continúa navegando, acepta su uso.Politica de privacidad.

  Acepto las cookies de este sitio.